Faça Lip Balm em casa.


Para as adeptas do Faça você mesmo, hoje vamos mostrar uma receita de Lip Balm caseiro. Ideal pra quem usa muito, faz tratamento de pele, tem a pele muito seca e os lábios rachados o ano todo, quem quer economizar. Pra mandar de lembrancinha. Agradar clientes, amigas e parentes. Vender ou dar de presente… bom todo mundo adora! E é bem simples de fazer. A receita é da Marta editada pela Andrea Onishi.

– 1 colher de manteiga de karité (4g)
– 1 e meia colheres de manteiga de cacau (3g)
– 1 colher de cera de abelha em flocos (4g)
– 1 colher (ou 40 ml) de óleo vegetal de amêndoas (não é de amêndoas doces ! ) ou de semente de uvas.
– 2 a 3 gotas de Óleo Essencial (Usamos o de Litsea Cubeba), mas você pode escolher qualquer um.
– 1 cápsula de Vitamina E (em cápsulas, não é ampola de cabelo)

Utensílios: Colher de sopa, becker ou vasilha de vidro funda, panela grande, palito de churrasco ou bastão de vidro, alfinete e potinhos com tampa.

1- Coloque todos os ingredientes sólidos na jarra de vidro.
2- Esquente 3 dedos de água na panela para o banho Maria.

3- Coloque a mistura para esquentar, sempre mexendo, até os sólidos derreterem. cerca de 4 minutos. A cera de Abelha sera a última a derreter.

4- Acrescente o óleo de amêndoas e mexa bem.
5- Desligue o fogo, retire o recipiente do banho maria e Pingue duas gotas de óleo essencial. Mexa em seguida.

6- Acrescente a cápsula de vitamina E , furando a pontinha com um alfinete..

7- Transfira a mistura para os potes, essa receita enche de 3 a 4 potinhos.

8- Deixe endurecer, cerca de 20 minutos na temperatura ambiente.

O Lip Balm caseiro é mais hidratante que os de farmácia, pois a maioria dos industrializados economizam produtos e não tem tanta qualidade. Você também pode usar o Lip Balm caseiro como hidratante de cutículas.

Fonte: La isla bonita

Anúncios

Cabelos e segredos

A função do Shampoo é de apenas higienizar o couro cabeludo e preparar os fios para receber nutrientes.
Além de higienizar, o shampoo abre as cutículas dos fios que precisam ser fechadas em seguida para o cabelo não ficar áspero. Essa é a melhor hora para fazer um tratamento com uma máscara ou um fortalecedor, mas no dia a dia o condicionador cumpre a tarefa de fechar as cutículas e hidratar o cabelo.
Os leave-ins, condicionadores, máscaras SEMPRE devem ser ativados para que o efeito seja mais intenso.Basta esfregar o produto nas mãos e aplicar.
Uma boa massagem ajuda na circulação sanguinea.NÃO ESFREGUE O COURO JAMAIS!
Uma dica para quem quer acelerar o crescimento dos cabelos é lavar os cabelos com a cabeça para baixo e massagear bem para ativar a circulação do sangue.
NUNCA DEIXE EXCESSO DE PRODUTOS NOS CABELOS.
Sempre enxague, retirando o excesso de água dos cabelos, com uma toalha, para total absorção dos ativos.Não é preciso BESUNTAR OS FIOS NEM O COURO CABELUDO.UMA BOA HIDRATAÇÃO É FEITA com movimentos rápidos do topo da cabeça até as pontas do cabelo, no sentido do fechamento das escamas, de 3 até 10 minutos, no máximo.

O MITO DO SHAMPOO SEM SAL
Sabe aquela história de falar uma verdade que não acrescenta nada? Como os óleos vegetais comestíveis, que anunciaram “sem colesterol” nas embalagens e venderam horrores? Nas letras miúdas está escrito: “como todo óleo vegetal, não possui colesterol”.

A história do shampoo sem sal foi mais ou menos assim. Alguém, em algum momento, teve uma idéia para promover os seus produtos e associou os cabelos grudados(como quando tomamos um banho de mar), com o sal marinho. Assim nasceu a primeira linha de shampoos sem sal.

A gente tem um certo preconceito contra os efeitos do sol e, quando a propaganda diz que o shampoo não contém sal, logo pensamos que aqueles que não dizem nada na embalagem possuem o terrível sal que estragará nosso cabelo. Mas saiba que isso não é verdade.

O sal tem o nome químico de cloreto de sódio, que é utilizado para dar consistência aos shampoos. O principal ingrediente destes produtos é o tensoativo – o lauril sulfato de sódio ou o lauril éter sulfato de sódio.

Na produção destes, acontece uma reação química, cujo produto secundário é o cloreto de sódio, ou seja, o tal sal. Por isso, mesmo que estes shampoos afirmem nas embalagens não possuir sal, eles são feitos com o tensoativo, cujo nome termina em de sódio. Ou seja, eles têm sal em seus produtos. E tem mais: as concentrações são muito baixas e não causam nenhum dano aos cabelos.

Há outro fator a se considerar: quando usamos um shampoo no banho, enxaguamos os cabelos, na sequência, com água doce, não é? Pois o sal é totalmente solúvel em água doce, logo, não vai sobrar nenhum sal no nosso cabelo.

Os cabeleireiros que trabalham com a escova progressiva acabaram comprando esta ideia errada do shampoo com sal, que não é uma verdade, pois o que causa o dano da escova progressiva é o componente químico que provoca abertura das escamas e quebra das ligações internas do cabelo, além da força manual mecânica e calor (escova + prancha) para alisar o fio. A nova estrututura interna do fio alisado é mais frágil, tornando os cabelos mais sucetiveis a quebra além de deixar a parte externa do fio mais ressecada.

Reconstrução
Para reconstruir o cabelo precisamos devolver a ele componentes internos importantes como minerais, água, aminoácidos e proteínas. Quando ele está em equilíbrio, essa parte interna é preenchida. Recomendo fazer uma vez por semana uma reposição de aminoácidos. Uma sugestão são os produtos da Joico da linha K-Pak Reconstruct ou Wella power mask specialist SP.

Silicone realmente faz bem para as pontas do cabelo!
Quantas vezes você já leu dicas de cabeleireiros indicando o silicone para os cabelos? Após um corte de cabelo ou mesmo lavagem. Funções do silicone como protetor térmico : quando for usar secador, chapinha ou brawn modelador. Como usar o silicone: aplique nos cabelos antes de inciar esses processos com a finalidade de protegê-los do calor.

O silicone age na parte externa do fio (cutícula) e cria um filme uniforme na superficie, preenchendo possíveis imperfeições, protegendo os cabelos e intensificando o brilho.

Funções do Silicone para cabelos
No mousse: para fazer penteados ou modelar os cabelos. Como usar: aplique no cabelo limpo e úmido antes de iniciar o penteado.

No spray: fixar penteado. Como usar: pode ser usado durante e após o término do penteado. Seu efeito é dar maior durabilidade ao look.

No antifrizz: eliminar o efeito arrepiado, minimizar as pontas duplas e proteger os fios. Como usar: com os cabelos secos, passe o produto no comprimento e nas pontas.

No spray volumizador: dar volume ao: cabelos com fios finos ou au mentar o volume para um me Ihor penteado. Como usar: aplique o pro duto nos fios limpos e úmido ou secos.

O principal uso desse produto é no reparo temporário de pontas duplas. Coloque três ou quatro gotas de silicone nas palmas das mãos e espalhe apenas nas extremidades capilares. O silicone “cola” as pontas e forma uma espécie de película ao redor dos fios. Além disso, deixa os cabelos macios e mais fáceis de pentear. O único problema é que ele some após algumas escovadas ou uma lavagem.Se você nada bastante ou vai à praia com uma freqüência razoável, o silicone pode ser um grande aliado na prevenção do ressecamento dos fios. Você vai sentir a diferença logo no primeiro dia. Atualmente, a tendência do mercado é o spray de silicone, que doma cabelos rebeldes e assenta fios elétricos. Só é preciso tomar cuidado e usar duas ou três borrifadas de cada lado da cabeça – o formato spray pode parecer mais fraco, mas tem o mesmo efeito do silicone tradicional.Por fim, lembre-se de passar silicone nos cabelos antes de fazer escovas ou chapinhas. Não só ele protege os fios como também reage ao calor deixando sua cabeleira bem mais brilhante do que o normal!

Agora que vc já sabe disso tudo, pense bem antes de se jogar nos shampoos caríssimos e invista em bons condicionadores/finalizadores!

Fontes: Site Natura
Site: Fiquelinda

Novidade:Lencinhos umedecidos diferentes!


Vocês conhecem a marca de acessórios de beleza Ricca? Ela faz parte da empresa Belliz Company, e possui um montão de coisas legais, como escovas de cabelo, esponjas pra banho, lixas de unha, necessaires e muito mais.

Fui na farmácia aqui pertinho de casa , procurando um fixador pro cabelo, e na hora de pagar, do lado do caixa, umas latinhas coloridas muito fofas me chamaram a atenção. Eram os lencinhos umedecidos da Ricca. A embalagem lembra uma latinha de refrigerante, mas ela é menor, estampada, e cada modelo de latinha vem com um pingente na lateral.

Dentro, vem 30 lencinhos umedecidos, ideal pra carregar na bolsa, pra ser usado em casos de emergência, ou não: remover maquiagem, limpar o rosto, limpar as mãos, na hora do sufoco do banheiro químico…rsrsrs
O preço é bem honesto: 4,50!

Tem um cheirinho suave, e não é oleoso. Adorei! Os lencinhos também vêm dentro de uma embalagem plástica, pra manter a umidade por mais tempo.

Tem também a caixinha retangular com os mesmos lenços. Só que só vem 20 unidades e é o mesmo preço.

Demonstração do “meu” demaquilante caseiro!

Desculpa o susto, mas eu acordo assim após uma balada boa!rsrs O motivo é justo: demonstrar a receitinha do demaquilante caseiro que quebra muito o meu galho. Se você como eu adora uma maquiagem , sabe da importância de cuidar da pele e remover toda a maquiagem sempre antes de dormir. Atualmente podemos comprar vários demaquilantes de excelente qualidade mas, nada impede que você faça o seu próprio demaquilante em casa. Antes de mais nada vamos explicar o processo dos demaquilantes. Entendo que as pessoas com a pele oleosa/mista tenham medo de usar produtos oleosos em sua pele e piorar tudo. Mas, é certo que os melhores demaquilantes têm a base oleosa ou são óleos mesmo. E daí, como ficamos? Então, vamos desmistificar algumas coisas sobre a pele oleosa e alguns produtos de beleza: Primeira coisa, super importante: efeito rebote — quanto mais óleo você tira da sua pele, mais ela produz. Simples assim. Desenvolvendo: a pele produz óleo para impedir a perda de água. Se há um filme sobre a pele (no nosso caso, um filme oleoso), a pele “entende” que está protegida quanto à perda de água e diminui a produção de óleo. Simples, não? Na mesma linha, vamos para o segundo ponto: o sebo que fica lá nojentamente dentro dos nossos poros é gorduroso. Sendo assim, ele se dissolve em produtos igualmente gordurosos. Ou seja, é mais fácil o produto oleoso arrastar o sebo para fora do poro do que se você mete um adstringente aquoso na pele, fecha o poro e ainda não tem nada que o arraste para fora. Vamos ao que interessa:

Receitinha de Demaquilante Uma parte (aproximadamente 20 ml) de higienizante para pele de bebê (tipo Higiapele) Uma parte de óleo para bebês (pode ser de amendoas ou semente de uva) Uma parte de água destilada ou mineral Agitar e colocar no frasco. ou Água destilada, Propilenoglicol, Glicerina, Fragrância, Cloreto de Alquil Benzil Dimetil Amônio, Carbonato de Sódio, óleo mineral. (kkk)
Modo de uso: Umedeça o chumaço de algodão com o líquido, passar sobre a área a ser demaquilada até limpá-la completamente. Não é necessário diluir, nem enxaguar após o uso SE A SUA PELE NÃO FOR MUITO OLEOSA. Não tem problema aplicar nos olhos e rosto.
Se vc quiser mais praticidade ainda, pode usar um pouco de vaselina liquida diluída em soro fisiológico.Tira make a prova d’água que é uma beleza!

“Porta-trecos”

Na minha última ida ao supermercado pra fazer a compra mensal fui comprar uma lixeirinha para a pia na seção de utensílios para cozinha e vi tanto porta-talher bonitinho que quis comprar pra guardar meus pincéis e makes.Além de lindinhos eles quebram um galhão e organizam muito bem.Fora que são muuuito mais em conta do que esses apetrechos próprios para make-up.
Dêem uma olhada nas idéias que eu encontrei por aí:

Porta-talher de maletinha... vira maleta de make

Esse dá até pra pendurar na parede!

De acrilico, com tampa.

Lilás com madeirinha

De zebrinha!

Gostaram das idéias?
Agora essa seção não passa mais desapercebida por mim.Virou uma das favoritas! 😉

A unha descascou? Inglesinha nelas!

Para quem acredita que a unha francesinha está batida, que tal fazer uma versão mais ousada e chamativa? A moda agora é arrasar com as unhas inglesinhas.O uso de duas cores de esmalte em cada unha, uma de fundo e outra na pontinha, é conhecida como “inglesinha”, uma versão moderna da famosa francesinha, originalmente feita com esmaltes clarinhos.

A pintura mais ousada pode ser feita com a dupla de pretos fosco e brilhante, com pontas cintilantes ou ainda combinando cores fortes. Uma dica é combinar um esmalte preto fosco com outro cintilante.É uma ótima saída pra disfarçar a pontinha da unha que descascou tbm, sem precisar tirar todo o esmalte… Fica show de bola!

Beijos.

Fonte:Beleza natural